top of page

#20 - Brand equity: como construir valor de marca e case Supreme

Atualizado: 6 de mai.

Sua pílula quinzenal sobre branding, design e marketing ✨

Clara Ramos - Branding de propósito - brand equity

Ei, brandlover!

 

Chegamos no nosso vigésimo aniversário de news!!

 

Feliz demais em ter você comigo nessa jornada pra entender cada vez mais sobre branding e estratégias de marcas de sucesso.

 

E bom, se você tá curtindo tanto quanto eu, por que você não deixa um comentário lá no site? 🥹




NA NEWS DE HOJE

✨ Brand equity

⚡️ Como construir valor de marca?

💜 Recursos úteis

💡 Case: Supreme



BRAND EQUITY

Você já parou pra pensar por que algumas marcas parecem ter um "quê" especial que as fazem se destacar e serem mais consumidas? Isso tem tudo a ver com algo chamado brand equity.

 

Ele é um ativo intangível, ou seja, não é algo que você pode tocar ou ver. É basicamente o valor que uma marca acumula na mente e no coração dos consumidores.

 

Este valor pode fazer a diferença entre um consumidor escolher o seu produto em vez de um concorrente, mesmo que custe um pouco mais.

 

De acordo com Keller - o cara que criou o brand equity model - branding seria basicamente dotar produtos ou serviços desse valor intangível.

 

Isso tudo tem impacto direto nos resultados financeiro, mas por não ter uma atribuição direta com campanhas de conversão, sua mensuração pode acabar se perdendo.


Clara Ramos - Branding de propósito - brand equity

Falei nesse post que a maioria das nossas decisões são rápidas e emocionais, afinal boa parte das escolhas que fazemos no dia a dia vão quase que no automático.

 

Essas escolhas são influenciadas por percepções, emoções e experiências anteriores. E isso meus amores, é o que constrói - ou destrói - um brand equity.

 

Isso vai significar que, no momento da compra, o consumidor já terá uma expectativa sobre o produto ou serviço daquela marca.

 

Ou seja… quando uma marca tem alto brand equity, significa que ela é bem percebida pelos consumidores. E o mesmo vale pra situação contrária, viu?!

 

Eles não só reconhecem o logo ou o nome, mas também associam a marca a qualidades positivas, como confiança, credibilidade e qualidade.

 

Essas associações não surgem do nada, elas são o resultado dos contatos com a marca.

 

Um exemplo clássico de brand equity pode ser visto com marcas como Apple ou Google - exemplos de marcas mais valiosas do mundo em 2023. Essas marcas oferecem algo mais do que produtos, elas vendem experiências, estilo de vida e promessas de qualidade e consistência.

 

Isso faz com que os consumidores estejam dispostos a:

⚡️ Pagar mais

⚡️ Escolher dentre outras opções

⚡️ Recomendar a amigos e familiares

 

O grande lance do brand equity é gerar intenção e preferência de marca, focando no conceito de disponibilidade mental de Byron Sharp - que fala sobre a probabilidade de uma marca ser lembrada na hora da decisão de compra.

 

E isso é feito a partir da construção de vários atributos, a famosa construção de tijolinho em tijolinho.


Clara Ramos - Branding de propósito - brand equity

 Mas por que isso é importante?

 

Tá, caso você ainda não tenha entendido a importância do brand equity, vou falar de forma objetiva:

👉 Justifica valores premium

👉 Aumenta a lealdade do consumidor

👉 Protege a empresa durante tempos difíceis

👉 Constrói uma base sólida pra novos produtos

 

Dá pra notar que construir brand equity é uma das estratégias mais eficazes pra garantir um crescimento sustentável e a longo prazo.



COMO CONSTRUIR VALOR DE MARCA?

 

Consistência é a chave

Mantenha consistência em todos os contatos com o consumidor, isso envolve comunicação visual, tom de voz, qualidade do produto e suporte do cliente. Uma marca consistente é previsível no bom sentido e gera confiança, pois entrega o que promete.

 

Foco na experiência do cliente

Uma experiência positiva do cliente é fundamental pro desenvolvimento do brand equity. Isso pode ser desde o design intuitivo do seu site até um serviço ao cliente excepcional. Encantar o cliente em cada interação ajuda a construir lealdade e recomendações boca a boca.

 

Diferenciação clara

Se destaque identificando e comunicando o que sua marca entrega de valor real, diferenciação clara ajuda a criar uma posição única na mente dos consumidores. Tente desenhar uma proposta de valor coerente e facilmente digerível.

 

Construa uma narrativa forte

As pessoas adoram histórias e as marcas que contam histórias envolventes podem formar conexões emocionais profundas com os consumidores. A narrativa da sua marca deve ser autêntica, fácil de entender e alinhada com os valores do seu público-alvo.

 

Monitore e adapte

O mercado muda constantemente, assim como sua abordagem pra construir a brand equity. Monitore a percepção da sua marca com ferramentas de análise e faça ajustes quando necessário. Isso pode envolver a renovação da imagem da marca, a revisão da estratégia de conteúdo ou inovação em produtos.




SUPREME

A Supreme começou como uma loja de skate no bairro de SoHo, em Nova York, fundada por James Jebbia em 1994.

 

Desde o início, a Supreme se posicionou como mais do que uma marca de skate, ela capturou a essência da contracultura urbana, misturando moda, arte e música.

 

Este apelo cultural autêntico ajudou a marca a se destacar em uma cidade saturada de moda e tendências. E depois, a se destacar pelo mundo afora.

 

A chave foi sua capacidade de falar diretamente com a comunidade de skatistas e artistas, criando produtos e campanhas que refletiam suas identidades e valores.

 

Com o tempo, a Supreme transcendeu suas raízes no skate pra se tornar um símbolo global de inovação e exclusividade na moda.

 

Seu sucesso não se baseia apenas na qualidade de seus produtos, mas em uma estratégia de marca que envolve toda essa percepção de exclusividade, posicionamento e valor agregado.

 

Quem aí lembra do tijolo da Supreme que foi viral em 2016?

 

Este produto, que foi parte de uma coleção de acessórios, foi vendido por cerca de $40 USD e esgotou quase imediatamente. Depois vimos o item exclusivo sendo vendido por até 1.000 dols em pontos de revenda.


Clara Ramos - Branding de propósito - brand equity

Esse fenômeno demonstra o poder do brand equity: a marca é tão valorizada que até um tijolo comum, uma vez associado à Supreme, torna-se um item de desejo.


De tijolinho em tijolinho, não falei? 🫣

 

Foram usadas várias estratégias pra inflar o brand equity da marca, e cada uma delas pode trazer uma lição valiosa pra sua marca.

 

E assim, mesmo que algumas sejam meio delirantes, sabemos que o barro aconteceu. Então toma nota:

 

👉 Exclusividade

A Supreme é famosa por suas edições limitadas e lançamentos "drop" que frequentemente se esgotam em minutos. Esta estratégia cria um senso de urgência e exclusividade, fazendo com que cada item seja percebido como um objeto de desejo.

 

👉 Associações estratégicas

Parte do brand equity da Supreme vem de suas colaborações com marcas de alto perfil, como Louis Vuitton, The North Face, e Nike. Essas parcerias não apenas ampliam seu alcance, mas também reforçam sua posição como uma marca de moda de elite, mesclando o streetwear com o luxo.

 

👉 Cultura de marca

A Supreme soube incorporar elementos da cultura jovem, arte e música em sua marca. Isso não apenas fortalece sua autenticidade e relevância, mas também cria uma conexão emocional profunda com seu público.

 

👉 Consumidores fiéis

O hype em torno dos lançamentos da Supreme é amplamente alimentado pelo boca a boca, especialmente nas redes sociais e fóruns online. Sendo atacada pelos haters ou elogiada pelos defensores da marca.

 

👉 Consistência visual

A logo da Supreme é instantaneamente reconhecível e tem sido um símbolo chave na moda de rua. A consistência visual em suas lojas, embalagens e publicidade reforça a identidade da marca e garante que seja facilmente reconhecível em todo o mundo.

 

A Supreme não é apenas uma marca, é um símbolo de status e parte de um estilo de vida.

 

Seu alto brand equity permite que ela comande preços premium e mantenha uma comunidade leal e engajada.

 

Just as told...


Quer receber os recursos especiais que eu passo em cada edição da newsletter? Assine para receber no email 👇


Até a próxima edição! 💜


Beijos,

Clara Ramos

Clara Ramos - Branding de propósito

Meu nome é Clara Ramos, sou designer há mais de 8 anos e marketeira desde que me conheço por gente, vejo o branding de propósito como uma missão pra mostrar que o design é mais que estética.

Pra mim, o marketing precisa ser humano e sustentável, valorizando o propósito e a essência de cada marca. E mostro que isso faz parte da performance! Utilizo o design como ferramenta de comunicação poderosa e o conteúdo como chave pra enriquecer a experiência do usuário.

Assina a news e vamos aprender juntos! 🫶




# CONTINUE APRENDENDO

Como eu posso te ajudar na sua jornada no branding?

111 visualizações2 comentários

2 Comments


Mais uma excelente edição, Clara!! Eu sempre tive um pouco de dificuldade para entender de fato o conceito de brand equity, mas agora ficou tudo muito claro para mim. 👏👏

Like
Clara Ramos
Clara Ramos
Apr 27
Replying to

Acho que por ser algo tão intangível a gente fica meio confuso na hora de trazer isso pra realidade né?! Mas feliz em ajudar a esclarecer as coisas 💜

Like
bottom of page